Make your own free website on Tripod.com

Exmo. Sr. Dr. Juiz de Direito da - Vara Cível

 

 

 

 

 

                                                .............................., brasileira, solteira, professora, residente na avenida ......................., nº ..........., ap............., na cidade de ............., nesta Comarca, por seu procurador (doc. 1), com endereço na avenida .............., nº ............, conj. ................., nesta cidade, vem perante esse Juízo propor

 

 

                                                AÇÃO DE REINTEGRAÇÃO DE POSSE

 

 

contra a ....................., entidade jurídica de direito público, pelo que passa a expor, e, ao final, requer:

 

 

                                                1. Adquiriu, em ........ de ............ do corrente ano, um ............... sob nº ..........., de ..........., conforme procuração e documento de propriedade, em nome daquele, anexos (docs. 2 e 3).

 

                                                2. Instalado o ................. no dia ........., já no dia .............. daquele mês, foi surpreendida com aviso da ré, que a ligação seria suspensa, o que foi efetivado no dia seguinte, em razão de problemas que teriam ocorrido na aquisição do terminal pelo vendedor.

 

                                                Mais especificamente, ao procurar a gerência local da empresa, foi-lhe informado de que o vendedor havia obtido o ............... fraudando a ordem de entrega, com a ajuda de funcionário da ré, já sob verificação disciplinar-administrativa.

 

                                                Na oportunidade, recebeu proposta da ré para receber o valor equivalente a uma linha .................... e ser incluída na lista de espera, sem prazo definido para entrega de terminal.

 

                                                3. Não pode aceitar, a autora, essa situação, claramente caracterizada como esbulho possessório.

 

                                                O ................ já estava em seu poder e uso, e arbitráriamente, a ré o desligou, ou seja, apossou-se dele, indevidamente.

 

                                                Os problemas internos da empresa ré, não podem ser repassados à responsabilidade da autora, que agiu de boa-fé, e é terceira na relação, se é que concretizada, entre o vendedor e o possível funcionário fraudador.

 

                                                4. Pretende, então, a reintegração na posse do ................., de sua propriedade, indiscutivelmente, hoje sob esbulho por parte da ré.

 

                                                REQUER seja designada audiência prévia, para ouvida dos representantes legais da ré, e nela determinada a reintegração pleiteada, liminarmente.

 

                                                REQUER seja a ré citada para contestar, querendo, a presente ação, querendo, cientificada dos prejuízos na ausência de manifestação.

 

                                                REQUER seja a ré condenada nas custas e honorários de advogado, estes fixados em 20% sobre o valor da causa.

 

                                                Protesta por todos os meios de prova, dando à causa o valor de R$ ............ (................ reais), equivalente ao custo do ..............

 

                                                Nestes Termos

 

                                                Pede Deferimento

 

                                                São Paulo, ....de...............de.......

 

Advogada

OAB/SP n.º ................